1º de Agosto vs Shael da Tunísia

O 1º de Agosto defronta hoje, segunda-feira, para o grupo B, o Etoile Sahel da Tunísia, na quarta jornada da Taça de África de Clubes que decorre em Malabo (Guiné Equatorial). O encontro vai opor os dois finalistas da edição anterior.

Depois da derrota da ronda inaugural, frente ao Petro de Luanda, os “militares” venceram os nigerianos do Kano Pillars por 78-70 e o Mazembe do Congo Democratico por 88-63.

O seu adversário, detentor do troféu, derrotou o Al Ahly (Egipto) e o Mazembe (Congo) por 49-44 e 70-48, respectivamente. Curiosamente a única derrota que averbou também foi frente aos “petroliferos” na terceira ronda por 70-69.

O Petro de Luanda, lider do grupo com seis pontos, joga diante do Kano Pillars da Nigéria, ao passo que o Libolo, campeão angolano, mede forças com o Mongomo da Guiné na série A.

 

 

“PALANCAS NEGRAS” NA ÁFRICA DO SUL

A selecção nacional partiu na manhã desta quarta-feira para a África do Sul, onde vai cumprir a última fase de preparação com vista a Taça de África das Nações em futebol, que se disputa de 19 de Janeiro a 10 de Fevereiro, naquele país.

Seguiram viagem 18 jogadores que actuam no país, com a inclusão de Geraldo (Paraná do Brasil). O médio Gilberto e o avançado Ary não integraram o grupo por razões administrativas, devendo seguir apenas quinta-feira. O campeão africano sub-20 em 2001 está em Luanda há três dias.

Os Palancas Negras, que integram o grupo de Marrocos, África do Sul e Cabo Verde, cumpriram a sua primeira etapa de preparação no Lubango, tendo realizado três jogos amistosos, com Gâmbia (1-1), Camarões (1-0), Rwanda (1-0).

O grosso dos jogadores que actuam no exterior juntam-se a selecção na primeira semana de Janeiro.

Lista jogadores convocados pelo seleccionador Gustavo Ferrin para o estágio na África do Sul:

 

Convocados:

Amândio Manuel Filipe da Costa (Amaro), Bartolomeu Jacinto Quissanga (Bastos), Miguel Geraldo Quiame (Miguel), Régio Francisco Conco Zalata (Mingo Bille), Massunguna Alex Afonso (Dany), Luis Mamona João (Lamá), Osvaldo Paulo João Dinis (Dinis), Landu Mavanga (Landu), Ilídio José Panzo (Pirolito), Fabrício Mafuta (Fabrício), Adriano B. Duarte Nicolau (Yano), Manuel da Costa Gaspar ( Manuel), António Luis dos Santos Serrado (Lunguinha), Hermenegildo Bartolomeu (Geraldo), Manuel David Afonso (Ary), Adilson Cipriano da Cruz (Neblu), Mário Manuel de Oliveira (Ito), António Sapalo L. Justo (Paty), José Pedro Alberto (Mabiná), Marco Ibrahim de Sousa Airosa (Marco Airosa), Mateus Galiano da Costa (Mateus), Djalma Braune M. Abel Campos (Djalma), Felisberto S. Da Graça Amaral (Gilberto), Adérito Waldemar Alves de Carvalho (Dedé), Mateus Contreiras Alberto (Manucho), Zuela Francisco Santos (Zuela), Guilherme Afonso (Guilherme).

Equipas Angolanas triunfam no campeonatos africanos

Equipas angolanas triunfantes

O Recreativo do Libolo, campeão nacional, venceu domingo, 16/2, por 1-0, em casa do Simba da Tanzânia, em partida das preliminares da liga dos campeões africanos de futebol.

O golo foi apontado aos 25 minutos por João Martins.

Para a mesma competição, o 1º de Agosto venceu sábado, no Estádio 11 de Novembro, em Luanda, o Adema do Madagáscar por 4-2.

 

 

Enhanced by Zemanta

A edição 2013 do campeonato nacional de futebol da primeira divisão tem início esta terça-feira.
Destaque na primeira jornada para os jogos entre o 1º de Agosto e o Recreativo da Caála e Libolo/Interclube.
Eis o programa da primeira jornada do  “Girabola 2013”.
Dia 26/02/2013:

  • 1º de Agosto X Recreativo da Caála do Huambo
  • Recreativo do Libolo X Interclube
  • Sagrada Esperança X ASA
  • Kabuscorp do Palanca X Desportivo da Huila
  • 1º de Maio de Benguela X FC Bravos do Maquis
  • Atlético do Namibe X Benfica de Luanda
  • Santos FC X Petro de Luanda
  • Progresso do Sambizanga X Porcelana FC

A conquista pela selecção nacional de hóquei em patins do terceiro lugar no Torneio da Páscoa da modalidade após vitória sobre a Alemanha (6-3), em jogo das classificativas disputado no Pavilhão Omnisports, na Suiça, e a derrota do 1º de Agosto diante do Recreativo do Libolo (87- 86), no BAI Baskt, foram os destaques da semana desportiva.
Desde 1992, aquando da sua primeira participação nestas competições, a selecção nacional de hóquei em patins tinha como melhor classificação o quarto lugar, obtidos nas edições de 2009 e 2011.

Fonte/ANGOP
Ainda no hóquei foi referência, durante a semana, a deslocação dos juízes angolanos Patrícia Costa e Jorge Borges para Moutreux, com o objectivo de se juntarem aos árbitros da modalidade indicados para ajuizar os jogos da 65ª edição da Taça das Nações na modalidade.
No basquetebol, a selecção nacional ficou emparceirada no grupo C do Campeonato Africano das Nações que se disputa de 20 a 31 de Agosto na Costa do Marfim, com as selecções da RCA, Moçambique e Cabo Verde.
Ainda na “bola ao cesto”, o campeão nacional, Recreativo do Libolo, venceu o seu principal adversário, 1º de Agosto (87–86), na primeira jornada da segunda volta (grupo A) do Campeonato Nacional de Basquetebol Seniores Masculino “Bai Basket”, na partida de destaque da jornada.
No atletismo, a federação angolana da modalidade fez disputar neste final de semana, na cidade do Lubango, o Campeonato Nacional Sénior em ambos os sexos, tendo sido consagrados os atletas Avelino Dumbo e Ernestina Paulino, ambos do Interclube da Huíla.
Quanto ao Girabola, “desporto rei”, a equipa do Kabuscorp do Palanca manteve-se na liderança da prova com 15 pontos, após vitória sobre o Interclube (1-0) na disputa da quinta jornada do campeonato nacional da primeira divisão.
Na classificação, a formação de Bento Kangamba continua no comando da prova com 15 pontos, seguindo-se o seu principal oponente, o Interclube com oito.
Por outro lado, foi noticiado que a crise financeira que afecta o Atlético do Namibe poderá forçar a diminuição das equipas na maior prova do futebol nacional, pois os “petrolíferos” do Namibe poderão abandonar o Girabola 2013 se não se encontrar uma solução a partir dos seus principais patrocinadores.
A conquista pela selecção nacional de hóquei em patins do terceiro lugar no Torneio da Páscoa da modalidade após vitória sobre a Alemanha (6-3), em jogo das classificativas disputado no Pavilhão Omnisports, na Suiça, e a derrota do 1º de Agosto diante do Recreativo do Libolo (87- 86), no BAI Baskt, foram os destaques da semana desportiva.

O Núncio Apostólico em Angola está no Soyo, no quadro da memorável visita pastoral iniciada há dias à Diocese de Mbanza Congo.
Dom Novatus Rugambua faz-se acompanhar do Bispo da Diocese, Dom Vicente Carlos Kiaziku, liderando proeminente missão da Igreja.
Fiéis entusiasmados acolheram a missão pastoral, que foi também calorosamente recebida pelas  autoridades locais.
O Soyo é a última etapa da mais demorada digressão do representante da Santa Sé à região norte de Angola.
Tal como o fez nas visitas pastorais a outras dioceses, Dom Novatus Rugambua tem multiplicado os apelos à promoção das vocações religosas, sobretudo numa região cujas tradições e costumes se revelam como grandes obstáculos à evangelização.
Em Mbanza Congo, o representante do Papa rendeu homenagem a Dom Afonso Nteka, primeiro bispo da diocese, assim como aos antigos missionários que se notabilizaram na evangelização da região.
História
M’Banza Kongo (cidade do Kongo) é uma cidade e sede da província do Zaire, em Angola.
Tem cerca de 68 mil habitantes. Foi a capital do antigo reino do Kongo e designou-se São Salvador do Congo até 1975.
A cidade foi fundada antes da chegada dos portugueses e era a capital de uma dinastia que governava desde 1483. O local foi abandonado durante guerras civis que eclodiram no século XVII.
M’Banza Kongo foi o lar dos Menekongo, monarcas que governavam o Reino do Kongo. No ano de 1549, por influência dos missionários portugueses, foi construída uma igreja católica no local em que os angolanos reclamam ser a mais antiga da África Sub-Saariana. O nome da igreja no local é “nkulumbimbi”.

Foi elevada ao “status” de catedral em 1596. O papa João Paulo II visitou a catedral em 1992.
O nome São Salvador do Congo apareceu pela primeira vez em cartas enviadas por Álvaro I do Kongo ou Álvaro II do Kongo, entre os anos de 1568 e 1587. A cidade voltaria a se chamar M’Banza Kongo, após a Independência de Angola em 1975.
Quando os portugueses aí chegaram, ela já era uma grande cidade, a maior da África sub-equatorial. Durante o reinado de Afonso I, edificações de pedra foram criadas, incluindo o palácio e muitas igrejas. Em 1630 foram relatados cerca de 4000 a 5000 baptismos na cidade com uma população de 100.000 pessoas.
A cidade foi saqueada várias vezes durante as guerras civis do século XVII, principalmente na batalha de Mbwila e foi abandonada no ano de 1678, sendo reocupada em 1705 por seguidores de Dona Beatriz Kimpa Vita. A partir desta época a cidade não foi mais abandonada.

Missas em lugares impróprios preocupam o Governo angolano, segundo a ministra da cultura.

O facto tem desarticulado a “própria lógica da urbanidade”, segundo Rosa Cruz e Silva.

A  governante falava em Luanda, durante um encontro sobre “o fenómeno religioso” no  país.

Disse que o surgimento desordenado de novos movimentos religiosos tem preocupado Governo angolano.

Rosa Cruz e Silva não citou denominações. No entanto, ao falar de novos movimentos religiosos dirigiu-se, certamente, às seitas que proliferam no país

“Por isso, criou-se uma comissão interministerial que constitui continuidade  da comissão anterior que analisou o mesmo fenómeno no ano transacto”, disse.

Segundo Rosa Cruz e Silva, o problema é complexo e precisa de perseverança e o engajamento de todos até que se encontre soluções institucionalizadas que conduzam aos objectivos preconizados.

Sublinhou que o papel que as  instituições religiosas assumem ao longo do processo histórico e sociológico angolano, de modo geral, foi e continua a ser fundamental para a reconstrução do país.

an image

Augue ut volutpat elit eros et lobortis feugiat tempus nunc morbi.

Lacus fusce rhoncus orci risus pellentesque dolor quis. Quisque dolor nibh ipsum ac tincidunt nulla sagittis. Nunc aliquam rutrum. Venenatis posuere mollis proin varius porta aenean ante nisl. Vel aliquet augue. Pellentesque est maecenas praesent nisl ipsum sodales elit eros non. At urna sed quisque lorem etiam erat ante ut. Risus vivamus dignissim suspendisse enim cursus. Continue reading

O futebol angolano subiu novamente no ranking da FIFA.

A selecção nacional de futebol subiu um lugar no ranking da Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA).

A representação angolana ocupa agora a 93ª posição.

O facto é indicado na actualização efectuada no site da organização gestora da modalidade no mundo.

O combinado nacional é a 22ª selecção a nível de África, com 401 pontos, sendo a Côte D’Ivoire a primeira, e décima segunda no mundo, com 1008 pontos.

A próxima actualização está marcada para 6 de Junho.

O Apostolado Nas Redes Sociais

Twitter O ApostoladoFacebook Jornal O Apostolado

Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria