Cuanza Norte: Solicitado envolvimento dos cristãos no combate a corrupção

O bispo da diocese de Mbanza Congo, Dom Vicente Kiaziku, solicitou domingo, em Massangano, município de Cambambe, Cuanza Norte, o envolvimento dos cristãos no combate à corrupção no país.

Dom Vicente Kiaziku fez esse pedido durante na missa de encerramento da peregrinação anual ao santuário da Nossa Senhora das Vitórias de Massangano, que decorreu durante três dias.

Sem avançar as formas como combater tal fenómeno, o prelado católico referiu que os cristãos, por constituírem a maioria da população, devem estar na primeira linha no combate a corrupção, evitando pactuar com práticas desonestas e contrarias aos princípios de Deus.

Para si, a corrupção é pecado aos olhos de Deus e, portanto deve ser combatido pelos seguidores de Cristo.

Apelou ainda aos fiéis a pautarem pela honestidade e ao amor fraterno.

“A Igreja está envolvida com a consciencialização do amor ao próximo em várias dimensões como a espiritual e a mudança de comportamentos, pelo que o cristão deve dar o melhor exemplo para toda a sociedade”, finalizou.

Exortou, por outro lado, os fiéis a encararem os santuários como lugar de oração de confiança, onde simplesmente se pede o bem e, não um lugar para pedidos de desgraças para alguém mais, sim  a conversão das pessoas.

Perto de 10 mil fiéis católicos oriundos de vários pontos de Angola participaram na peregrinação anual ao Santuário de Nossa Senhora das Vitórias, em Massangano.

Momento de oração, debate de temas litúrgicos, procissão de velas e adoração marcaram o evento religioso decorrido sob o signo “Com nossa senhora das vitórias, cultivemos o estilo de escuta, a coragem da fé, a beleza do discernimento e da dedicação ao serviço”.

O Apostolado Nas Redes Sociais

Twitter O ApostoladoFacebook Jornal O Apostolado

Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria