Diocese de Benguela de luto

Morreu neste Domingo o padre Paulo Waloya na Itália.

A notícia surpreendeu a Diocese de Benguela que, logo nas primeiras horas da manhã deste domingo, 26 de Novembro, recebeu a noticia da morte do Sacerdote, do clero diocesano de Benguela.
O padre Paulo Waloya, 70 anos de idade, morreu em Roma, por doença, onde se encontrava em tratamento já há alguns meses.

O padre Paulo Waloya foi ordenado sacerdote em 1982.

Dos vários cargos pastorais que desempenhou destacam-se os de pároco de São Pedro do Liro, professor no Seminário do Bom Pastor de Benguela, pároco da Ganda, pároco de São Julião do Tojal (Lisboa-Portugal), entre outros.

Até ao momento da sua morte, o padre Waloya era director da escola de formação dos evangelistas, na Catumbela.

 

O Apostolado Nas Redes Sociais

Twitter O ApostoladoFacebook Jornal O Apostolado

Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria