Livro “O Sentimento na Escrita” apresentado em Recital de poesia

O Escritor Adão Zina, levou ao palco da casa de Cultura do Rangel Njinga Mbande, o recital de poema Tetembwa Uwami com o livro “O Sentimento na Escrita”, Numa noite em que varias vertentes da cultura nacional se juntaram, com destaque para poesia infantil.

Dois anos depois do lançamento do livro o “sentimento da escrita”, o escritor Adão Zina, juntou no recital de poesia “Tetembwa Uwami”, expressão kimbundu que em português significa “minha estrela”, no palco da casa de cultura do Rangel Njimga Mbande, teatro, musica, poesia e outras vertentes da cultura nacional.

A actividade que teve entrada livre contou com a presença de várias figuras da cultura, com destaque para os músicos Dodó Miranda, Melvi, e os poetas Wende Bocado, Ras Nguimba Ngola, Darleni Zina, Ismael Farinha, Fernanda Gonga e Luzineide Tomás, e um grupo de teatro.

Na ocasião o músico Dodó Miranda, fez saber que estes eventos fazem falta nas comunidades, uma vez que “com estas iniciativas os jovens ganham mais conhecimento e muito toque de espírito”, pedindo por outro lado ao executivo “que criem mais espaços de lazer e cultura”. Já a cantora Melvi, afirmou que a música carrega paz, união e incentiva os jovens ao pensamento positivo na “resolução dos problemas do país”.

O escritor Ras Nguimba Ngola, é de opinião que estes eventos que reúnem jovens “são importantes para engrandecer a cultura, e para ocupar os jovens no pensamento,  aconselhando  os pais a incentivarem os filhos a cultivarem o gosto pela  leitura”

A pequena poetisa de seis (6) anos de idade Wende Bocado, subiu ao palco e deixou todos admirados ao declamar em bom tom vários poemas, no final a estudante da 1ª classe, falou para as crianças deixando a seguinte mensagem “todas crianças podem ser o que quiserem desde que se esforcem, mais os pais devem incentivar o gosto pela leitura para que isto seja uma realidade”, frisou a menina e deixou o seguinte poema

“É bom ser criança, brincar a vida como balança, sentir em coisas simples a alegria, onde todavia nada existir, neste olhar meigo de esperança veja a sabedoria, testa a simplicidade de como é lindo ser criança”

No final da actividade, o escritor Adão Zina, fez um balança positivo, agradecendo a presença do público “ agradeço a todos aqui presente e estou muito feliz pela realização do recital de poesia Tetembwa Uwami” acrescentou  que os espaços como estes são muito importante para os munícipe, porque aqui “qualquer artista começa a marcar os primeiros passos na arte”.


O artista explicou que “Tetembwa Yami” é o nome que escolheu para este recital, como forma de agradecimento pelas conquistas que teve no mundo literário, após ter enfrentando inúmeras dificuldades para impor-se como escritor e para a publicação do livro de estreia. Esta foi  “uma electrizante noite de emoções poéticas”, combinando com músicas de textos que se encontram no interior do livro. dando a conhecer o livro a todos aqueles que nunca tiveram contacto com ele e com os textos que o compõem. Finalizou.

Por : Adão dos Santos

O Apostolado Nas Redes Sociais

Twitter O ApostoladoFacebook Jornal O Apostolado

Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria


Apostolado Divisoria